Marketing para o ceticismo dos profissionais de engenharia - Parte 01

Marketing para o ceticismo dos profissionais de engenharia

Em tempos de termos como coach, treinadores, gurús, especialistas ou qualquer outro termo que já esteja se tornando prostituído pela falta de uma regulamentação, os profissionais acostumados com estatísticas e cálculos são julgados como céticos ainda mais do que toda a população que já vive desconfiada. Adiciona-se a isto a pandemia, o desespero das pessoas que estão inssaciáveis por ter pelo menos o que comer e outras que querem acumular riquezas, ostentando seus carros, casas e até mesmo jatinhos vendendo seus cursos, métodos, lives, consultoria e mais um monte de coisas.